Notícias Fecomercio

21 de novembro de 2018

OCDE reduz previsão de crescimento do Brasil para 2019


Entidade estima que País cresça 2,1% no próximo ano. Para 2018, projeção de alta é de 1,2% do PIB

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) reduziu a previsão de crescimento da economia brasileira para 2019, por causa das incertezas “ainda significantes” quanto à aprovação de reformas. De acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira (21), a estimativa agora é que o País cresça 2,1% no próximo ano, contra 2,5% em sua última projeção. A expectativa está abaixo da prevista pelo mercado brasileiro, de 2,5%.

Para 2018, a OCDE manteve a previsão de crescimento de 1,2% feita em setembro, enquanto o mercado financeiro prevê alta de 1,36% no produto interno bruto (PIB).

Em relação ao PIB mundial, a OCDE reduziu as projeções de grande parte das maiores economias mundiais. A previsão de crescimento mundial caiu para 3,5% para o próximo ano. Para 2018, a OCDE mantém a projeção de 3,7%.

Voltar para Notícias